terça-feira, 14 de junho de 2011

My SLAYER day!

Na quinta feira passada realizei um dos meus sonhos da adolescência, assistir a um show do Slayer! Conheci a banda qd tinha por volta de16 anos e desde aquela época nunca deixei de ouvir. Uns momentos mais outros momentos menos, mas sempre admirei o som dos caras.
Claro que com 16 anos aqueles sons pesados, raivosos, rápidos e rebeldes faziam total sentido com o sentimento da época. ( hj em dia tb faz rsrs)
Como Sam Dunn diz no seu documentário "Como não se empolgar sendo um adolescente com títulos como, Raining blood, Born of fire e Haunting the chapel!" (Eu adoro esse último rsrs)
Eles já tinham vindo duas vezes para o Brasil e decidi que dessa vez não ia perder. No dia anterior fiquei sabendo que o guitarrista Kerry King iria fazer uma tarde de autógrafos.
Tava um frio desgraçado, chovendo mas como fã fui lá conseguir meu autógrafo. Nussss tinha muita gt , na fila conheci uma galera que tinha vindo de Belo Horizonte, 10 horas de viagem e ainda um taxista tinha dado o maior golpe neles, mas a gt riu pra caramba da situação. Átras de mim uma galera que tinha vindo de Natal!! Meu é isso mesmo, Natal! Eles vieram de lá pra Sampa só pra ver o show.
Agradeci bastante por morar em São Paulo nessa hora.
O cara atrasou e foi a maior confusão mas depois de algumas dificuldades consegui meu autógrafo e uma fotinho show de bola.

Bom e segui pro Show, tava lotado mas foi tranquilo pra entrar, quem abriu foi o Korzus, banda já antiga aqui de Sampa. O show deles foi muito bom , mas por algum motivo ainda se usa aquela tradição idiota de que o som da banda de abertura é pior do que a banda principal. O som ficou meio embolado e alto demais mas deu pra curtir. Qd eu cheguei na Via Funchal passei por trás do local e pra minha surpresa encontrei o Pompeu que é o vocalista do Korzus, então tome mais uma foto pra guardar.
E finalmente veio o SLAYER!
Meu eles tem uma atitude animal no palco!! Abriram com World Painted in Blood e já chegaram quebrando tudo! Galera pulando, gritando e pirando foi muito legal!
Fiquei do lado da mesa de som de propósito pq era um bom lugar pra ver o show e pra ver o técnico em ação tb. Olha o cara era bom viu! O som estava em um volume muito bom, sem arregaçar o ouvido, e o cara controlava o volume dos solos e tudo. Ficou bom mas....
No final da War Ensemble que é tipo um hino do Slayer o som pifou. Olhei pra mesa tudo apagado e o cara nem sabia o que fazer. A galera xingou etc, mas a real é que a culpa foi de alguem que cuidou dos geradores.
Som reestabelecido e segue o Show.
Nuusss tocaram Seasons in the Abyss, Stain of mind, Dead skin mask... e qd veio raining blood!!!!! Vixiiiiiii o lugar veio abaixo e fizeram uma sequência matadora depois com várias antigas tipo black magic e coisas dessa época.
Qd acabou vi que foi 1H40 de show e parecia que tinha sido 30 mins. Ficou um gostinho de quero mais pq eles não fizeram bis! Saí roco de tanto gritar e cantar as músicas e com o pescoço doendo de agitar a cabeça, mas com um sorrisão de orelha a orelha!!! SLAYEEEEEEEER!!!

Um comentário:

  1. Slayer é muito foda mesmo!

    http://meninaheadbanger.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...